Dilemas de um Projeto Ambiental: Relato de uma Experiência Participativa no Pontal do Paranapanema

Priscila Rosseto Camiloti, Sandro Lima, Tiago Lopes de Andrade, Luís Antonio Barone, Renata Ribeiro de Araújo Rocha

Resumo


A ampla discussão em torno da conservação e uso racional dos recursos naturais, unida à alarmante situação de degradação ambiental e a dependência dos recursos naturais por parte dos assentados, levou ao trabalho de pesquisa realizado no Projeto de Assentamento (P.A.)Primavera, situado no município de Presidente Venceslau/SP. Tal trabalho foca-se na elaboração e execução do projeto técnico para a recomposição florestal da área de preservação permanente (APP) da represa deste assentamento. A recomposição da APP, em torno da represa recém construída, está inserida, em parte, na área comunitária dos P.A. Tem-se, portanto, como objetivo de tal ação extensionista, a inserção da comunidade nas questões ambientais do P. A., assim como a conscientização desta através do programa de educação ambiental e incentivo à organização comunitária.

 


Palavras-chave


Assentamentos Rurais, Pontal do Paranapanema, Recursos Naturais, Áreas Degradadas.

Texto completo:

PDF

Referências


BARONE, L.A. Assistência técnica aos assentamentos de

reforma agrária: da política relativa ao vazio de projeto – o

caso do Estado de São Paulo. Retratos de Assentamentos,

Araraquara, Nupedor/Unesp, ano VI, nº 8, 2000.

BEDUSCHI FILHO, L.C. Assentamentos rurais e conservação

da natureza. São Paulo: Iglu: FAPESP, 2003.

BRAGA, B. et ali. Introdução à engenharia ambiental.

Ed. São Paulo: Prentice Hall, 2002.

DIAS, G.F. Educação ambiental: princípios

e práticas. 6. Ed. São Paulo: Gaia,

FERNANDES, B. M. MST: formação e

territorialização. São Paulo: Hucitec, 1996.

ITESP, São Paulo. Pontal Verde: Plano de recuperação ambiental nos

assentamentos do Pontal do Paranapanema. ITESP. São Paulo, 2001.

LEITE, J.F. A ocupação do Pontal do

Paranapanema. São Paulo, Hucitec, 1998.

TUNDISI, J.G.; TUNDISI, T.M.; ROCHA, O. Ecossistemas de

Águas Interiores. In: BRAGA, B.; TUNDISI, J.G.; REBOUÇAS,

A.C. (Orgs.) Águas Doces no Brasil: Capital Ecológico, Uso e

Conservação. 2. Ed. São Paulo: Escrituras Editora, 2002.




DOI: http://dx.doi.org/10.25059/2527-2594/retratosdeassentamentos/2008.v11i1.22

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Revista Eletrônica Retratos de Assentamentos



Revista Retratos de Assentamentos e-ISSN: 2527-2594 

Uniara – Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.