A Prática Pedagógica no Curso de Agroecologia do MST: A Busca pela Educação Física “Superadora”

Juliana Moreira da Costa, Maria Peregina de Fátima Rotta Furlanett

Resumo


Este trabalho refere-se a reflexões feitas acerca da experiência obtida na disciplina de Educação Física no curso de nível médio integrado ao técnico em Agroecologia do MST. Com a parceria entre instituições de ensino, associações de técnicos agropecuários, a Prefeitura Municipal de Presidente Prudente e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra, o curso teve início em setembro de 2007 em Presidente Prudente, no oeste do Estado de São Paulo. Sua previsão de termino é em 2010. O referido curso apresenta características diferenciadas dos cursos tradicionais, como a pedagogia da alternância e a forma de organização dos educandos que apresenta imensa proximidade com a disciplina do MST. Esta traz fortemente as bandeiras de luta defendidas pelo Movimento e procura enfatizar as metodologias organizacionais de trabalho e valorizar o seu acervo políticocultural. A partir da ministração da disciplina de Educação Física, associada à técnica da observação participante, buscou-se analisar os avanços que o curso proporcionou aos jovens, no que diz respeito à formação crítica. Constatou-se que as aulas de Educação Física foram importantes para uma reflexão acerca do tempo livre e do lazer, das relações interpessoais e, principalmente, em relação às mulheres. O contato com a Cultura Corporal, associada à reflexão crítica e à discussão, trouxe o reconhecimento da possibilidade de contestação e auto-organização em relação ao lazer, além da mudança de opinião em
relação à Cultura Corporal como possibilidade de lazer e cultura.


Palavras-chave


Educação, Educação Física, Lazer, Cultura Corporal.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, R. Estórias de quem gosta de ensinar: o fim dos vestibulares.

Campinas, SP: Papirus, 2000.

BETTI, M. Educação física e sociedade. São Paulo: Movimento, 1991.

BETTI, M.; ZULIANI, L.R. Educação Física Escolar: uma proposta de

diretrizes pedagógicas. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte,

São Paulo, v.1 n.1 p.73-81, 2002.

Bezerra NETO, L. Sem Terra aprende e ensina: estudos sobre as práticas

educativas do Movimento dos Trabalhadores Rurais. Campinas, SP: Autores

Associados, 1999.

ESCOBAR, M.O.; TAFFAREL, C.Z. A cultura corporal. In:

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA. Curso intensivo e seminário

interativo educação física proposições pedagógicas superadoras na

escola. Salvador: FACED, p.1-6. 2006.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários a prática

educativa. 25. Ed. São Paulo: Paz e terra,1996.

GADOTTI, M. Boniteza de um sonho: ensinar- e- aprender com sentido.

São Paulo, SP: Ghubhas, 2003.

LIMA, A.P; OLIVEIRA, M.P.;GOMES; N.B.;ALMEIDA, S.T. A

construção social da adolescência face a determinações do capitalismo

contemporâneo. 2005. Monografia (Bacharelado em Serviço Social).

Faculdades Integradas “Antònio Eufrasio de Toledo”, Presidente Prudente.

MARCELLINO, N.C. Estudos do Lazer: uma introdução. Campinas, SP:

Autores Associados, 1996.

MEDINA, J.P.S. O brasileiro e seu corpo: educação e política do corpo. 3.

Ed. Campinas,SP: Papirus, 1991.

Projeto Pedagógico do Curso Médio Integrado ao Técnico em

Agroecologia. Faculdade de Engenharia Agrícola – FEAGRI / Universidade

Estadual de Campinas – UNICAMP, Campinas, 2006. (mimeo)

TAFFAREL, C.Z.; TEIXEIRA, D.R. Cultura Corporal e território como

complexo temático na formação de professores: Uma contribuição ao

debate sobre reconceptualização curricular. Disponível em:

http://www.faced.ufba.br/rascunho_digital/textos/542.htm. Acesso em: 11 de junho de 2006.

WHITAKER, D.C.A.; SOUZA, M.F. A permanência dos jovens nos

assentamentos de reforma agrária: um rosário de equívocos. Retratos de Assentamentos, Araraquara, Nupedor/Uniara, n.10, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.25059/2527-2594/retratosdeassentamentos/2008.v11i1.23

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2015 Revista Eletrônica Retratos de Assentamentos



Revista Retratos de Assentamentos e-ISSN: 2527-2594 

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.