Percepção social sobre gestão ambiental em assentamentos rurais no norte do paraná e no Pontal do Paranapanema

Luiz Antonio Norder, Maurício Ventura Ursi

Resumo


Este texto apresenta os resultados de uma pesquisa quantitativa realizada a partir de questionários estruturados, aplicados em amostragem aleatória, que abrange as regiões do Pontal do Paranapanema (SP) e do Norte do Paraná, com a finalidade de caracterizar a percepção de assentados e técnicos extensionistas sobre os serviços de extensão e alguns componentes de gestão ambiental: tratamento de esgoto, resíduos sólidos, erosão, assoreamento, embalagens de agrotóxicos e arborização de espaços habitados. Foram também incluídas informações sobre percepções de qualidade habitacional. A pesquisa evidencia que, embora haja a identificação, por parte de assentados e extensionistas, de diversos problemas ambientais nos assentamentos, predomina a percepção de que há uma grande limitação nas ações de extensão rural voltadas para estes problemas.

 


Palavras-chave


Gestão Ambiental; Gestão de Resíduos; Recursos Hídricos; Estudos de Percepção; Assentamentos Rurais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.25059/2527-2594/retratosdeassentamentos/2018.v21i1.290

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Luiz Antonio Norder, Maurício Ventura Ursi

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

Revista Retratos de Assentamentos e-ISSN: 2527-2594 

Uniara – Universidade de Araraquara / Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.