Comércio Tradicional de Alimentos : avanço na contracorrente

Autores

  • Newton Narciso Gomes Jr Universidade de Brasília Programa de Pós Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural
  • Luísa Corrêa Leda UnB Programa de Pós Graduação em meio Ambiente e Desenvolvimento Rural - Núcleo de Estudos em Abastecimento Alimentar e Comida CNPQ/MADER/UnB

Palavras-chave:

sistema de abastecimento alimentar, mercado tradicional de alimentos, varejo alimentar

Resumo

Comércio Tradicional de Alimentos: avanço na contracorrente  

 

 

Resumo

 

O sistema de abastecimento alimentar no Brasil experimentou profundas modificações nas últimas décadas em especial a partir da intensificação da urbanização na década de 1960. A contínua concentração do setor de varejo vem, desde então, modificando a forma de aquisição de alimentos nas cidades, a organização das cadeias de suprimento e o padrão alimentar da população, caracterizada por um processo de homogeneização. Contudo, ao lado da expansão das grandes redes de supermercados resistem formas tradicionais de comercialização de alimentos, como feiras, mercados municipais e pequenos equipamentos comerciais familiares distribuídos pelas cidades. Isto posto, o presente artigo tentou captar de forma panorâmica essas modificações e apontar para uma outras perspectiva e abordagem que lide com a condição de acesso e com o formato de organização do sistema de abastecimento alimentar no Brasil no atual contexto. Tentou-se especialmente compreender como a resistência do sistema tradicional de comercialização e seu arranjo de organização podem significar um freio ao atual processo de concentração do varejo de alimentos e de transição alimentar sofrido pela população.

 

Biografia do Autor

Newton Narciso Gomes Jr, Universidade de Brasília Programa de Pós Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural

economista (FEA USP), dr em política social( UnB.2007) pós Dr em Economia (IE Unicamp, 2016) professor adjunto da Universidade de Brasilia, membro permanente do Programa de Pós Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rurral MADER/FUP/UnB, lider do Grupo de Pesquisa CNPQ Abastecimento e Comida, pesquisador do Núcleo de Estudos Agrários NEAGRI - CEAM/UnB

Luísa Corrêa Leda, UnB Programa de Pós Graduação em meio Ambiente e Desenvolvimento Rural - Núcleo de Estudos em Abastecimento Alimentar e Comida CNPQ/MADER/UnB

economista, mestra em Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente pela UnB, pesquisadora do Núcleo de Estudos em Abastecimento Alimentar e Comida CNPQ/MADER/UnB

Referências

ABRAS e GfK, Revista SuperHiper, Edição de Junho de 2012. Disponível em: http://abrasnet.com.br/edicoesanteriores/Main.php?MagID=7&MagNo=87

ABRAS e GfK, Revista SuperHiper,Edição de Junho de 2013: http://abrasnet.com.br/edicoes-anteriores/Main.php?MagID=7&MagNo=104

ABRAS e GfK, Revista SuperHiper,Edição de Junho de 2014. http://abrasnet.com.br/edicoes-anteriores/Main.php?MagID=7&MagNo=134

ABRAS e GfK, Revista SuperHiper,Edição de Junho de 2015. http://abrasnet.com.br/edicoes-anteriores/Main.php?MagID=7&MagNo=158

Abras, 29 de Março de 2016. Disponível em: http://www.abrasnet.com.br/clipping.php?area=20&clipping=55616

ABRAS/Revista SuperHiper. Associação Brasileira de Supermercados, Revista SUPERHIPER, edição de abril, 2014. Disponível em: http://abrasnet.com.br/edicoes-anteriores/Main.php?MagID=7&MagNo=129

BARHAM, James. Regional Food Hubs: Understanding the scope and scale of food hub operations. Washington, DC: USDA AMS, 2011.

BEAULAC, Julie; KRISTJANSSON, Elizabeth; CUMMINS, Steven. A systematic review of food deserts, 1966-2007. Prev Chronic Dis, v. 6, n. 3, p. A105, 2009.

BELIK, Walter. Muito além da porteira. Série Teses. Instituo de Economia da Unicamp, 2001.

BELIK, Walter; CHAIM, Nuria Abrahão. Formas híbridas de coordenação na distribuição de frutas, legumes e verduras no Brasil. Revista Cadernos de debate, v. 7, p. 1-9, 1999.

BELIK, Walter; CUNHA, Altivo Roberto Andrade de Almeida. A produção agrícola e a atuação das Centrais de Abastecimento no Brasil. Segurança Alimentar e Nutricional, v. 19, n. 1, p. 46-59, 2012.

COCKRALL-KING, Jennifer. Food and the city: urban agriculture and the new food revolution. Estados Unidos, Prometheus Books, 2012, 372 p.

CUMMINS, Steven. Food deserts. The Wiley Blackwell Encyclopedia of Health, Illness, Behavior, and Society, 2014.

DA SILVA, José Francisco Graziano. A modernização dolorosa: estrutura agrária, fronteira agrícola e trabalhadores rurais no Brasil. Zahar Editores, 1982.

DE MELLO, João Manuel Cardoso. O capitalismo tardio: contribuição à revisão crítica da formação e do desenvolvimento da economia brasileira. Editora Brasiliense, 1982.

DIOP, Ndiame; JAFFEE, S. Fruits and vegetables: global trade and competition in fresh and processed product markets. Global agricultural trade and developing countries, p. 237-257, 2005.

IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Disponível), Estatísticas do Século XX, 2007. Disponível em: http://seculoxx.ibge.gov.br/

IBGE Cidades, Distrito Federal, 2016. Disponível em: http://cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?codmun=530010

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – PNAD, 2013.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009: antropometria e estado nutricional de crianças, adolescentes e adultos no Brasil. IBGE, 2010.

JUNQUEIRA, Antonio Hélio; PEETZ, Marcia da Silva. 100 anos de feiras livres na cidade de São Paulo; tradução Traduzca.com; fotografias Maycon Lima; Jailton Leal. São Paulo: Via Impressa Edições de Arte, 2015. 312 p.

LANG, Tim. Reshaping the food system for ecological public health. Journal of Hunger & Environmental Nutrition, v. 4, n. 3-4, p. 315-335, 2009.

LEDA, Luisa Corrêa. Sistema tradicional de varejo de alimento e sua importância para a segurança alimentar e nutricional: o caso do Distrito Federal. 2011, 133 f. Dissertação (Mestrado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural) – Universidade de Brasília, Brasília, 2017.

MORGAN, Kevin. Feeding the city: The challenge of urban food planning. 2009.

MÜLLER, Geraldo. Fome: o não-direito do não-cidadão. Covre, MLM A cidadania que não temos. São Paulo, Brasiliense, p. 13-38, 1986.

PAIVA, Ruy Miller. REFLEXÕES SÔBRE AS TENDÊNCIAS DA PRODUÇÃO, DA PRODUTIVIDADE E DOS PREÇOS DO SETOR AGRÍCOLA DO BRASIL. 1965.

PAN AMERICAN HEALTH ORGANIZATION, WORLD HEALTH ORGANIZATION. Consumption of ultra-processed food and drink products in Latin America: Trends, impact on obesity, and policy implications. 2014.

POTHUKUCHI, Kameshwari; KAUFMAN, Jerome L. The food system: A stranger to the planning field. Journal of the American planning association, v. 66, n. 2, p. 113-124, 2000.

PRITCHARD, Bill. Regoverning Markets: A Place for Small‐Scale Producers in Modern Agrifood Chains?. Journal of Agrarian Change, v. 9, n. 3, p. 449-452, 2009.

REARDON, Thomas; BERDEGUE, Julio A. The rapid rise of supermarkets in Latin America: challenges and opportunities for development. Development policy review, v. 20, n. 4, p. 371-388, 2002.

REARDON, Thomas; BERDEGUÉ, Julio A. The retail-led transformation of agrifood systems and its implications for development policies. Latin American Center for Rural Development (RIMISP), Santiago, Chile, 2006.

SILVEIRA, Maria Laura; SANTOS, Milton. O Brasil: território e sociedade no início do século XXI. Rio de Janeiro: Record, 2001.

STEEL, Carolyn. Hungry city: How food shapes our lives. Random House, 2013.

SuperMercadoModerno, Relatório Anual, ano 41, nº 4, 2010.

The Food Trust. Philadelphia Healthy Corner Store Network, Philadelphia Department of Public Health, 2014.

WISKERKE, Johannes SC. On places lost and places regained: Reflections on the alternative food geography and sustainable regional development. International planning studies, v. 14, n. 4, p. 369-387, 2009.

Publicado

2020-09-16

Como Citar

Narciso Gomes Jr, N., & Leda, L. C. (2020). Comércio Tradicional de Alimentos : avanço na contracorrente. Retratos De Assentamentos, 20(2). Recuperado de https://retratosdeassentamentos.com/index.php/retratos/article/view/269

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)